(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Alexandre Baldy aceita ser o titular da SIC

Política Comentários 11 de dezembro de 2010

Empresário diz ao CONTEXTO que se for convidado oficialmente pelo Governador eleito, Marconi Perillo, tem motivação e disponibilidade de tempo para comandar a pasta da Indústria e Comércio


Aos 30 anos de idade, mas com a incumbência de comandar, pelo menos, três empresas, todas localizadas no Distrito Agro Industrial de Anápolis, há dez anos integrado à vida econômica e social da cidade, o empresário Alexandre Baldy disse que, ainda, não foi convidado oficialmente, e nem sabe se o será, pelo Governador eleito Marconi Perillo, para ocupar a titularidade da Secretaria de Estado da Indústria e Comércio. Ele falou ao Jornal CONTEXTO nesta quinta-feira, 09, no começo da noite, quando se deslocava de Brasília para tratar de negócios em São Paulo. “É um desafio e tanto, mas estou acostumado a isso. Se o Governador precisar de mim, certamente vou levar em consideração e, caso haja a aquiescência dos empresários, da classe política e da sociedade anapolina, com certeza pretendo aceitar”, justificou.
Alexandre Baldy disse que tem ciência de que outros nomes importantes, representando o Fórum Empresarial, a Federação das Indústrias e a Associação Comercial e Industrial de Anápolis estariam no páreo, mas entende que a última palavra será, realmente, do Governador eleito. Para ele, o importante é a Cidade não perder o foco e ser contemplada com a pasta, promessa feita por Marconi Perillo. “Não sou político, não estou ligado a nenhum partido. Meu perfil é técnico. Por isso mesmo é que precisaria do apoio dos políticos e dos empresários, caso seja, realmente, convidado pelo Governador. Conheço bem Anápolis, sei quem foram os prefeitos cujas administrações deram certo e as que não deram. Estou bem familiarizado com a Cidade. Se vier a ocupar a Secretaria, tenho planos e projetos para aumentar nossa economia, criando mais vagas e postos de trabalho no DAIA e em outras regiões do Estado”, pontuou Alexandre Baldy.
Como fica
A provável indicação de Alexandre Baldy é vista, mais, como um nome da chamada cota pessoal do Governador. Marconi cumpriria, assim, a promessa de indicar uma pessoa de Anápolis para continuar chefiando a política de indústria e comércio no Estado. Quanto aos vários o nomes especulados, como é o caso de Deocleciano Moreira Alves; Ubiratan Lopes da Silva; Francisco Gonzaga Pontes; José Batista Sobrinho, Ridoval Chiareloto e outros, tem-se como certo que o próprio Marconi definirá pelos seus aproveitamentos na equipe. Alguns deles, inclusive, não teriam possibilidade de aceitar cargos, devido às atividades empresariais e particulares. Neste caso se enquadrariam Deocleciano Moreira e Francisco Pontes.
Além disso, sabe-se que quanto a praticamente todos os nomes antes apontados, haveria a participação do Fórum Empresarial, da ACIA e outros segmentos da economia anapolina. Seus representantes têm como certo que vão ser, ainda, ouvidos por Marconi Perillo. Seja para chancelarem o nome de Alexandre Baldy, com as devidas justificativas, seja para pedir o apoio da classe empresarial ao seu nome. Pessoas próximas a Ridoval Chiareloto, por exemplo, testemunham que ele não faria questão de assumir qualquer cargo. O mesmo ocorreria em relação aos demais sugeridos.
Sabe-se, também, que os prováveis e possíveis descontentamentos com a iminente indicação do futuro secretário, vão ser tratados, diretamente, pelo Governador eleito. Fala-se, até, que, além dos laços políticos e afetivos de Marconi com praticamente todos os envolvidos na questão, existe a possibilidade da indicação de alguns deles para outros cargos. Dentre estes, a direção do SEBRAE e de outra secretaria ligada à produção. Isto, principalmente, se a nomeação de Alexandre Baldy for, mesmo, da cota pessoal de Marconi Perillo.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

Baixe o PDF de Edições Anteriores

Arte em Propaganda Arte em Propaganda

+ de Notícias Política

Ronaldo Caiado acusa Governo de usar dados para mascarar crise do Estado

08/11/2018

O governador eleito Ronaldo Caiado (Democratas) cobrou maior transparência nos dados repassados à equipe de transição pel...

Partido realiza ação social em prol da Casa Joana

08/11/2018

O Democratas Mulher Anápolis irá realizar nesta sexta-feira, 09, a partir das 09 horas, em Anápolis, uma manhã odontológ...

Vereador exige explicações para aumento da energia elétrica em Goiás

08/11/2018

O vereador João da Luz (PHS) informou na tribuna, durante a sessão ordinária da última quarta-feira,07, que esteve em Bra...

Ronaldo Caiado terá muitos desafios para enfrentar em sua terra natal

02/11/2018

Não dá para falar que se trata de uma “herança maldita”. Mas, dá para dizer que os “gargalos” de Anápolis vão o...