(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Administrar empresas é um grande desafio na atual conjuntura

Geral Comentários 02 de fevereiro de 2017

“Para ser empresário, o seu coração tem que pulsar no mesmo tom da empresa”, afirma professor da UniEVANGÉLICA


Enquanto muitos reclamam da crise e seus efeitos econômicos, sociais e políticos, tem muita gente encontrando maneiras de se atualizar, desenvolver a criatividade e crescer profissionalmente. Este perfil inovador deve ser seguido por profissionais, empresas e quem quer passar por este momento com robustez e de maneira sólida.
O professor Ieso Costa Marques coordena o curso de Administração do Centro Universitário de Anápolis – UniEVANGÉLICA. Ele conhece de perto a realidade de muitas empresas e de novos empreendedores que querem despontar em um mercado competitivo e sabe qual é a fórmula para o sucesso.
“As empresas devem atender, satisfazer e ir além das necessidades dos seus clientes”, destaca. É claro que não se pode negar o atual momento de retração econômica, afinal, nas palavras do próprio professor, “momentos de incerteza e turbulência são uma característica de todo e qualquer negócio”.
“Isso, de certa forma, não é uma coisa ruim. Porque é como se fossem as placas tectônicas do mercado se alinhando. Então a previsão é de que os próximos dois anos nós vamos passar por um momento ainda de grande dificuldade”, prevê o professor Ieso Costa Marques, coordenador do Curso de Administração.
O que muda são as maneiras de lidar com a crise. Ser competitivo, abrir-se para o mercado, conhecer mais sobre seu produto e saber quais são as necessidades dos seus clientes vão fazer a diferença para o crescimento profissional e financeiro. A turbulência momentânea pode ser uma grande aliada. Tudo vai depender da postura adotada.
O que é possível fazer? “É o momento de lançar um profundo olhar, um olhar muito crítico sobre o mercado”, responde. Ieso lança o desafio para os empresários, empreendedores, microempreendedores e estudantes que sonham com um lugar no mercado de trabalho. A hora é de pensar em novas maneiras de agradar aos clientes.
Na hora de estabelecer um negócio, cada detalhe deve ser observado. A logística, os custos, hábitos de consumo dos clientes, o investimento em talentos humanos fazem parte dos quesitos essenciais para os profissionais que querem se diferenciar. “É hora de uma autorreflexão”, ressalta.
Quebrar paradigmas. Com um mercado a cada dia mais competitivo, agradar o cliente parece tarefa impossível, mas que pode ser alcançada com produtos que antecipem as necessidades do consumidor final. Neste jogo em que o mais capacitado vence, vale a pena investir também em alianças estratégicas e parcerias com outras empresas para que o negócio floresça e a lucratividade aumente.
“Os empresários, os profissionais que nesse momento de crise conseguirem encantar seus clientes, descobrir o que eles querem e adequar o que eles fazem à exata necessidade desses clientes, eles vão continuar vendendo, vão continuar tendo faturamento, vão continuar tendo receita e vão ter sucesso”, continua.
“Para ser empresário, o seu coração tem que pulsar no mesmo tom da empresa”, orienta. E isto significa cuidar dos clientes, atende-los com maestria, checar as reclamações e sugestões que são feitas nos diversos canais de comunicação e aproveitar os meios online para otimizar os negócios.
DIFERENCIAL
Um grande diferencial do profissional moderno deve ser atuar de maneira criativa e que não seja apenas uma cópia do que se vê por aí. Para Ieso Costa Marques, “Fazer a mesma coisa que todo mundo faz não leva ninguém a lugar nenhum”. Não menos importante, ser flexível, fazer uso das tecnologias a seu favor e ter ideias inovadoras, como a criação de startups completam os ingredientes que contribuem para o crescimento profissional. “Esse é o caminho. As empresas que conseguem se reinventar atravessam estes momentos de turbulência, mas elas conseguem se projetar estrategicamente no futuro”, finaliza.
O CURSO
O Curso de Administração do Centro Universitário de Anápolis - UniEVANGÉLICA capacita profissionais empreendedores e gestores de seus próprios negócios ou em seu trabalho, com atenção voltada para as oportunidades de mercado, explorando as atividades num enfoque estratégico e inovador. O profissional que conclui seu curso na instituição reúne características profissionais e pessoais, aliando liderança, competência, visão de negócios e espírito empreendedor.

Autor(a): Felipe Homsi

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Município quita dívidas trabalhistas de ex-servidores comissionados

19/04/2017

A Prefeitura de Anápolis começa a quitar dívidas trabalhistas do município, que estão pendentes desde 2011, para ex-serv...

Ovos de chocolate com diferenças salgadas, aponta pesquisa do Procon

12/04/2017

O Procon de Anápolis divulgou a pesquisa sobre os preços de produtos para a páscoa- ovos de chocolate e caixas de bombons....

Projeto da sede do MP tem significativo avanço

12/04/2017

A proposta de se definir uma nova sede para as promotorias de Justiça em Anápolis (hoje funcionando em um edifício da Aven...

Advogados receberam a Caravana Nacional de Prerrogativas

07/04/2017

Morosidade do Poder Judiciário; desrespeito por parte de autoridades policiais, juízes, promotores; porte de arma; e até o...