(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Acidentes de trânsito são maioria nas ocorrências policiais

Segurança Comentários 09 de maro de 2012

A principal demanda da Polícia Militar, com apoio do Corpo de Bombeiros e do SAMU, é para os casos de acidentes de trânsito no perímetro urbano. São dados oficiais


Somente no período de 03 a 07 deste mês, as viaturas da Polícia Militar, em Anápolis, atenderam a 51 acidentes nas ruas do centro e dos bairros da Cidade. Desse total, 33 não tiveram o registro de vítimas (ferimentos ou mortes), enquanto que, em 18 ocasiões foi preciso ser oferecido socorro hospitalar aos envolvidos. E, dos 51 registros de acidentes, em 15 havia o envolvimento de motocicletas. Dois deles envolveram ciclistas. Os números são preocupantes, revelando uma média superior a sete casos por dia, sem contar os acidentes de menor intensidade, quando as partes resolvem, de comum acordo, não chamarem a autoridade policial, cada qual arcando com sua parcela de responsabilidade no acidente. Esse número, segundo um policial militar, é elevado por diferentes razões. Uma delas é a grande incidência de veículos, e condutores, em situação irregular perante o DETRAN, circulando pelas ruas de Anápolis. “Caso a Polícia seja chamada, vai exigir a documentação do veículo e a habilitação, em dia, do condutor o que, comprovadamente, em muitos casos, não é possível obter-se”, disse o policial. Por conta da exigência, cada vez mais frequente, dos policiais militares nesse tipo de ocorrência, outras atividades da segurança acabam sendo prejudicadas.
De acordo, ainda, com as autoridades ligadas ao setor, o que acontece em Anápolis é comum, também, em outras cidades. O acesso a veículos automotores, de todos os portes e de variados modelos e preços, tem permitido o inchaço do tráfego nas ruas das cidades brasileiras. Está cada vez mais fácil adquirir um veículo automotor, devido às modalidades de pagamento oferecidas pelas concessionárias e vendedores em geral. Hoje, em Anápolis, calcula-se que, pelo menos, 200 mil veículos estejam licenciados e rodando diariamente. São motocicletas, cujo índice cresce de forma assustadora; automóveis; utilitários; caminhões, carretas e ônibus, disputando o mesmo espaço que existe, há décadas, na chamada região central da Cidade. “É a lei da física”, brinca um agente de trânsito, explicando que o volume de veículos aumenta a cada dia e o espaço de ruas, praças e avenidas, continua o mesmo.

Situação crítica
E, pelo que avaliam técnicos do setor, há uma tendência de agravamento do caso. Além do aumento ininterrupto do número de veículos e, consequentemente, de condutores, em trânsito e a falta de uma melhor estruturação para a fiscalização e o policiamento, há a fragilidade da legislação que, na opinião de alguns, não pune, exemplarmente, os causadores de acidentes. Os abusos são notórios, como a direção perigosa, o consumo de bebida alcoólica, a velocidade excessiva e outros, que invariavelmente, resultam em desastres.
A concentração dos serviços públicos no chamado quadrilátero central acarreta, também, o tumulto e a exaustão do sistema de tráfego, agravados pela presença de grandes caminhões e pesada carretas trafegando durante o horário comercial.
Ainda sobre os casos de acidentes no trânsito, os números apontam que uma grande porcentagem dos leitos nos estabelecimentos hospitalares que lidam com urgências e emergências (Hospital Municipal, Santa Casa de Misericórdia e Hospital de Urgência) é destinada, justamente, ao pacientes originários dos acidentes. E, em que pese uma série e campanhas educativas desenvolvidas pelas autoridades do setor (CMTT, Polícia Militar, CIRETRAN e outros), ainda existe um elevado índice de desconhecimento e de omissão por parte dos condutores quanto á obediência às leis e, principalmente à sinalização, motivo principal do elevado índice de feridos, e mortos, no trânsito de Anápolis.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Segurança

Projeto tem o apoio do Exército, da Marinha e da Aeronáutica

08/12/2017

A audiência pública realizada no último dia 4 na sede da Associação Comercial e Industrial de Anápolis, para debater a ...

Caso do Uber - Acusado diz: “queria somente divertir”

08/12/2017

O acusado de roubar na semana um veículo Uber e restringir a liberdade do motorista Cleyton da Silva Nascimento já está pr...

Treinamento para delegadas, agentes e escrivãs

30/11/2017

A 3ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Anápolis realiza vários cursos de atualização voltados para delegados, agen...

Ruas do centro terão policiamento ostensivo durante o fim de ano

30/11/2017

O policiamento nas regiões de maior presença do comércio em Anápolis, terão o policiamento reforçado neste final de ano...