(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Aberta a temporada de exposições de 2017

Cultura Comentários 10 de fevereiro de 2017

Galeria Antônio Sibasolly apresenta três mostras individuais e Museu de Artes Plásticas um recorte da memória e da cultura franciscana


A temporada de exposições deste ano, nos espaços da Secretaria Municipal de Cultura dedicados às artes visuais, começou na última terça-feira,7, com o lançamento simultâneo de mostras na Galeria Antônio Sibasolly e no Museu de Artes Plásticas de Anápolis (MAPA). Trabalhos dos artistas anapolinos Isaac Alarcão, Adelaide Fontoura e Rondinelli Linhares ocupam as duas salas e o anexo da Galeria, localizada na sede da Secretaria de Cultura, na Praça Bom Jesus. No Museu de Artes Plásticas, instalado em prédio na Praça Americano do Brasil, 32 fotografias em preto e branco contam um pouco das memórias e da história da Ordem dos Frades Menores do Santíssimo Nome de Jesus. As mostras podem ser visitadas até o dia 31 de março, de segunda a sexta-feira, das 8hàs 18h.
O mais conhecido e experiente dos artistas das mostras individuais que acontecem na Galeria é Isaac Alarcão. São apresentados 21 trabalhos seus, entre pinturas e desenhos, numa seleção que mescla produções realizadas do final da década de 1970 até recentemente. Na obra do artista há um deslocamento para uma representação temática que consiste na personalização da tradição coletiva popular.
Alarcão satisfaz sua necessidade criadora trabalhando com os recursos resultantes da sua observação do objeto, como as visões da vida simples dos vilarejos interioranos, retratando-os em forma de uma crônica pictórica. Nome importante no desenvolvimento das artes visuais em Anápolis, Isaac traz em seu currículo premiações regionais e nacionais. Seu nome figura entre os fundadores da Galeria Antônio Sibasolly e, por mais de 20 anos, esteve à frente da diretoria do Museu de Artes Plásticas de Anápolis - MAPA.
Imprecisões
Os retratos são tema recorrente na produção da artista visual independenteAdelaide Fontoura. A exposição que está aberta ao público na Galeria Antônio Sibasolly até 31 de março reúne trabalhos produzidos pela artista nos últimos dez anos. “Da bem-vinda imprecisão dos retratos” apresenta cinco séries de fotografias extraídas de álbuns de família e realizadas com anônimos, nas ruas da cidade. Adelaide utiliza-se de materiais como parafina, renda, tricô, crochê e outros para criar narrativas poéticas que remetem à imprecisão das histórias e memórias.
A mostra “Pulsações” apresenta trabalhos do jovem Rondinelli Linhares e conta com trabalhos de duas fases de sua produção ao longo dos dois últimos anos: a série “A vida gritando nos cantos” e “Pulsações”, que dá nome à individual do artista, hoje professor da Escola de Artes Oswaldo Verano, uma das unidades culturais da Secretaria Municipal de Cultura. Em meio a angústias pessoais, os trabalhos de Rondinelli criam um diálogo passional com o observador ao tratar da solidão, da desilusão e do amor, questões que permeiam o cotidiano das pessoas, afirma o gerente de projetos e curador de artes visuais da Secretaria de Cultura, Paulo Henrique Silva.
Memória franciscana
A exposição “Memórias e Cultura Franciscana” é composta por 32 fotografias que retrata cenários urbanos e o religioso das décadas de 1940 e 1950 em Nova York (USA) e nas cidades goianas de Anápolis, Pirenópolis, Catalão, Pires do Rio, Goiandira e Ceres, sob a ótica da Ordem dos Frades Menores do Santíssimo Nome de Jesus. A ideia de realização desta exposição no Museu de Artes Plásticas de Anápolis prende-se, inicialmente, à proposta de proporcionar ao grande público a fruição de trabalhos fotográficos de qualidade dos frades norte-americanos que chegaram a Goiás a partir de 1943, afirma o curador da mostra Jairo Alves Leite.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Cultura

Festival de dança vai acontecer até sábado

27/04/2017

Começou na última quarta-feira, 26, o 12º Festival de Dança de Anápolis. A abertura do evento, no Teatro Municipal, se i...

Inscrições abertas para as oficinas do EDAnça

19/04/2017

Um dos eventos consolidados no calendário da Secretaria Municipal de Cultura, o Festival de Dança (EDAnça) acontece, neste...

Cantora busca ampliar horizonte musical

23/03/2017

Estilo despojado na música, no visual e na atitude. Assim é a cantora e compositora Danila Moreira, que busca o seu lugar a...

Curta-metragem anapolino participa de Festival de cinema em Veneza

17/03/2017

A nova Prefeitura de Anápolis tem como uma de suas prioridades o fomento à cultura e o incentivo aos artistas de nossa cida...